A História Do Facebook

Conheça a fundo a história do Facebook. Veja como essa empresa cresceu ao longo dos anos e quais obstáculos teve que enfrentar.

A história do Facebook é algo que chama atenção de todos por se tratar de uma das maiores empresas do mundo e que domina boa parte da internet.

Empreendedores de todo o mundo querem saber de que forma Mark Zuckerberg conquistou seu atual império.

Até porque sua trajetória se torna uma ferramenta poderosa na hora de traçar metas. Analisando a experiência de alguém tão bem sucedido como ele, é possível aprender com os acertos, e principalmente, os erros.

Dessa forma, esse artigo tem o intuito de te deixar por dentro da história do Facebook. Veja como essa plataforma alcançou essa posição de prestígio mundial.

Como Tudo Começou?

O que muitos não sabem é que essa história não é tão recente. Ela começou com o site TheFacebook, lançado em 4 de fevereiro de 2004. Quem comandava o mesmo eram integrantes da famosa universidade de Harvard.

Mas vamos voltar um pouco mais, para o ano de 2003. Mark Zuckerberg, até então apenas um estudante, possui um outro site chamado FaceMash.

Basicamente ele pegava fotos de estudantes e você poderia escolher quem é mais bonito.

Muitos não curtiram esse formato e ele foi banido. Com isso, pouco tempo depois, Zuckerberg começou a construir o que hoje é o Facebook.

Se você parar para pensar, a proposta geral dessa rede é simples.

Com o crescimento rápido da rede social, o campus não foi o suficiente e ele expandiu esse sistema para outras universidades.

Foi aí que a coisa começou a ficar séria e a história do Facebook tomou outros rumos.

Assim, vieram os primeiros financiamentos e integrantes, nessa que agora era uma empresa.

História Do Facebook: Quem Participou Dessa Jornada?

Logo no início, Mark e sua equipe eram bem jovens. O primeiro chefe de tecnologia e também cofundador, foi o Dustin Moskovitz.

Outro grande pioneiro foi o Chris Hughes. Esse último atuou por anos como porta voz da companhia.

Além disso, dentre os integrantes se tinha um brasileiro, Eduardo Saverin. Andy McCollum e Adam D’Angelo também fizeram parte no começo, criando um projeto de troca de arquivos.

No entanto, ele acabou não dando certo e foi excluído. Assim, ao longo dos anos, muitos passaram por essa empresa, cada um com sua devida contribuição.

No próximo tópico, confira algumas das maiores polêmicas que aconteceram desde o começo da formação do Facebook.

As Polêmicas Da História Do Facebook

Essa é uma das partes da história do Facebook que de fato não é tão agradável. Logo no início três pessoas se manifestaram em relação a proposta dessa rede.

Foram eles: os gêmeos Cameron e Tyler Winklevoss e Dyvia Narendra. De acordo com os mesmos, no ano de 2002, eles criaram um código igual ao do Facebook. Na época, a ideia foi chamada de ConnectU.

Além disso, os três alegaram que o próprio Mark fez parte do time de desenvolvimento, ficando por poucas semanas. Quando o código estava quase pronto, ele decidiu sair por estar muito ocupado em outros projetos.

No entanto, essa briga só se resolveu em 2008. Mark foi processado e os gêmeos receberam um total de R$ 65 milhões em um acordo judicial.

Agora, vamos para 2005, onde uma expansão significativa dessa empresa acontece. Até essa data, ela era chamada de TheFacebook, e não permitia cadastro de estudantes do ensino médio.

A partir de então, foi liberado a postagem de fotos e a possibilidade marcar seus amigos em postagens da rede. Isso  um grande boom na mesma.

Foi exatamente nesse ano que o brasileiro Eduardo Saverin saiu da empresa. Envolvido em uma série de polêmicas, ele foi expulso pelo próprio Mark.

História Do Facebook: Ganhando Proporções Gigantescas

Visando atrair mais pessoas para serem usuárias, essa plataforma criou sua versão mobile. E também, liberou um segmento diferente, as conexões de trabalho.

Claro, tudo foi intencional, pois o objetivo era atrair o público mais velho. O que você conhece hoje como o feed de notícias surgiu no ano de 2006.

Assim, se tornou possível checar a atividades dos seus colegas na rede.

Além disso, a partir dessa parte da história do Facebook, qualquer pessoa podia se cadastrar nele. Pouco tempo depois, em 2007, outras mudanças foram implementadas.

Assim, surgiram os maketplaces, publicação de vídeos, páginas de empresas, dentre outras coisas. Também, nesse período foi criado o F8.

Basicamente, ele era um evento que tinha o intuito de anunciar os novos recursos da plataforma.

Então, em 2008 o Facebook começar seu processo de se tornar uma rede internacional ganhando, por exemplo, uma versão em espanhol.

Também, foi implementado o chat e a função de connect. E, ainda, todo seu design foi reformulado.

Continuando, foi nesse ano que uma das mulheres mais poderosas da atualidade, Sheryl Sandberg, entrou na companhia. Ela trabalha até hoje como chefe de operações do Facebook.

O Sistema De Likes e a Expansão Contínua

A História Do Facebook e o Início Dos Likes

Você com certeza é familiarizado com o termo “likes”, certo? Pois bem, ele surgiu em fevereiro de 2009. Porém, só em 2016 que as reações foram adicionadas a esse sistema.

Além disso, a história do Facebook não para de tomar grandes proporções. O seu primeiro data center foi construído no Oregon em 2010.

Nesse mesmo ano se tem a função places, onde se tem recursos como mapas e avaliações.

Então, acha que acabou por aí? Que nada, em 2011, as chamadas de vídeo e chat ganham o nome de Messenger.

Expansão Do Facebook e Compra De Outras Empresas

Fora isso, a empresa virou uma grande compradora. Em 2012, uma das redes mais utilizadas, o Instagram, vira propriedade dela. Dois anos depois, tiveram duas aquisições igualmente importantes.

A primeira foi o WhatsApp, que custou 19 bilhões de dólares. Já a  segunda foi uma companhia de realidade virtual, Oculus.

A História Do Facebok e As Polêmicas

O Facebook é uma rede gigantesca, e que está longe ser imune as críticas.

Muitas polêmicas envolvendo compartilhamento de dados e fake News foram surgindo com o passar dos anos. De acordo com notícias, os dados de 87 milhões de pessoas foram vazados pelo Facebook.

Esse vazamento levou Mark Zuckerberg a ter que prestar depoimento no senado americano, inclusive.

Pronto, você conhece agora a história do Facebook. Se quiser conhecer em detalhes a trajetória de outros empreendedores de sucesso, confira o nosso blog.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

1 Comentário