Luiz Alves Paes De Barros: História, Investimentos, Filosofia, e Fortuna!

Luiz Alves Paes De Barros

Olá, tudo bem? Neste artigo vamos contar tudo sobre um dos maiores investidores do país: Luiz Alves Paes De Barro.

Você vai saber mais sobre a fortuna do investidor, sua filosofia de investimentos, e como foi sua trajetória até chegar a casa dos bilhões.

Confira!

Quem É Luiz Alves Paes De Barros?

Ele é um dos maiores investidores da Bolsa de Valores do Brasil, e um dos fundadores do Alaska Black um dos fundos de investimento mais populares do Mercado Nacional.

O investidor leva uma vida bem discreta.Por isso, inclusive, recebeu o apelido de bilionário anônimo.

Mesmo evitando os holofotes Barros é um dos investidores mais conhecidos do mercado sobretudo pela sua trajetória de sucesso nos seus investimentos em ações.

Vamos conhecer a história dele?

A História De Luiz Alves Paes De Barros:

Luiz Alves Luiz Alves nasceu em 1948 em uma família tradicional no interior de São Paulo dona de várias fábricas de açúcar.

Sua família, no entanto, acabou perdendo boa parte de sua fortuna pela falta de controle de gastos.

Diferente de sua família Luiz sempre buscou ser mais conservador.

Prova disso, foi quando os negócios familiares desmoronaram, e ele era um dos únicos que possuem um dinheiro guardado.

Os Primeiros Investimentos:

Aos 16 anos Luiz começou a investir no mercado financeiro usando seu próprio dinheiro.

Ele comprou ações da Comind — banco dos grandes lavradores de São Paulo.

O gosto pelo mercado financeiro fez com que ele cursasse economia pela Universidade de São Paulo.

Já na década de 80 o nome do investidor ficou pela primeira vez em evidência quando ele se juntou com Luis Stuhlberger, um dos maiores gestores do Brasil.

Juntos eles criaram um projeto que deu origem ao credit Suisse Éden griffo.

Conquistando Fama No Mercado:

Foi no começo do século 21, porém, que sua imagem passou a ser mais conhecida no mercado financeiro.

Luiz Alves Paes De Barros criou a própria carteira, o fundo Poland. Em 2015 ele foi rebatizado para Alasca Poland.

A carteira do fundo tem três cotistas Luiz, seu filho, e sua esposa.

Já em 2015 Barros em parceria com Henrique Breda criaram o Alaska Black.

Em 2017 o Alaska Black acumulou uma alta de mais de 325%.

Sua principal aposta, na época, foram as ações do Magazine Luiza que cresceram exponencialmente. 

A Fortuna De Luiz Alves Paes De Barros:

Um assunto que gera muita curiosidade entre os nossos leitores é a respeito da fortuna do investidor.

Isso, de fato, traz muito orgulho para Luiz Alves Paes De Barros.

Ele se orgulha de ter transformado um patrimônio de cerca de 10 mil dólares em 1,5 bilhão.

Antes mesmo de criar sua gestora Luiz já era um dos maiores investidores individuais do Brasil.

Seu fundo pessoal, o Alasca Polland, é muito conhecido e acompanhado pelos profissionais do mercado.

Criado em 2003 ele teve nos anos subsequentes uma valorização de mais de 1000%.

Em 2015 o megainvestidor deu início a um projeto extremamente ambicioso: a gestora Alaska Asset Management cujo principal fundo é o Alasca Black

Segundo Barros a decisão de gerir o patrimônio de outros investidores só veio depois que ele finalmente encontrou uma equipe capaz de aprender e perpetuar a sua filosofia de investimentos e proteger aquilo que ele já tinha conquistado.

A Estratégia De Investimentos Dele:

Luiz Alves Paes De Barro é adepto da análise fundamentalista, ou seja, ele não é aquele tipo de investidor que fica fazendo análises gráficas.

Ele prefere, portanto, investir em valor. Além disso, ele segue uma premissa bem básica: comprar na baixa e vender na alta.

Portanto, pode se dizer que Luiz Alves Paes De Barro é um investidor fundamentalista, adepto ao value investing.

Essa estratégia de investimento consiste basicamente em encontrar boas ações que estejam sendo negociadas abaixo do seu valor intrínseco.

Uma das principais premissas dos investidores desse estilo é que o mercado de ações está sempre oscilando e nem sempre os ativos são negociados por seus valores reais.

Isso acontece porque uma ação é influenciada por fatores que não estão ligados ao negócio em si.

Luiz Alves Paes De Barro está sempre em busca, portanto, de ações com bons fundamentos e que estejam com um preço abaixo do que elas valem.

Em 2015 quando o Brasil passava por uma das maiores restrições da sua história Barros aproveitou para comprar ações com preços muito baratos, como foi o caso da Magazine Luiza.

A empresa se valorizou somente em 2017 cerca de 500%.

 

 

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta


*


*


four × one =

Seja o primeiro a comentar!